Bekibassan
Se a sua motivação é pura e sincera, todo o resto vem por si.
Capa Textos E-books Fotos Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links
Textos
Um amor recíproco, sempre é um amor bem sentido...
Bem pressentido, e bem vivido...
 

 
AMOR RECÍPROCO
Onde existe uma aparente segurança,
sentimo-nos estranhos e inseguros...
Aqui, com este estranho amor,
sentimos-nos  seguros,
 procurando pelo pensamento o amor afirmar,
para não complicar...
É muito gostoso amar...
Mas sempre é bom se segurar...
Segure-se, na hora do beijo,

controlando o desejo..
Se não nos temos lado a lado todo tempo,
temo-nos aqui neste virtual real, para sempre...
Sentindo as delicias destes beijos que trocamos...
 São beijos que trazem  felicidade,
 são dados com sentimento,

e total consentimento,
para matar qualquer lamento...
São beijos sentidos
e ninguém poderá nos tirar esta felicidade... 
Beijos gostosamente pressentidos...
É algo bem existido...

Sentimos os beijos, aquecendo os desejos...
Procurando ser feliz  entendemos
o "pouco”  que temos,
 e com o que temos, bem vivemos...
E assim nos mantemos...
É gostoso quando nos temos...
 Tudo que fazemos é com carinho de verdade,
pois o que queremos,

é viver este sentimento com felicidade
 Marcial Salaverry
http://www.prosaepoesia.com.br

                                           
 

AMOR SINCERO
Confesso que não me sinto insegura,
apesar de ser um estranho amor.
Através do pensamento eu te sinto,
e não prendo meu beijo,
pelo contrário deixo fluir normalmente.
Se nosso amor é aparentemente virtual,
conformemo-nos mas não podemos desmerecê-lo,
pois é um sentimento puro e verdadeiro.
Nossos beijos são sentidos
sem nenhum lamento,
pois são realmente  desejados.
E nesta louca magia,
fazemos tudo que o coração pede.
Ele traz muito carinho,
e  porque não dizer,
uma felicidade plena.
Beki Bassan
http://www.bekibassan.prosaeverso.net


Beki Bassan
Enviado por Beki Bassan em 27/09/2010
Copyright © 2010. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários